PLANO NACIONAL DE LEITURA

30 06 2008

 O balanço do 1.º ano de vida do PNL é muito positivo. Do Relatório de Avaliação do Plano Nacional de Leitura (PNL), resultante de um estudo coordenado por António Firmino da Costa, sociólogo do Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE), é possível ler que a maioria dos portugueses considera que a leitura é útil e importante para as sociedades actuais e que os hábitos de leitura cresceram nos últimos dez anos.

Outros estudos foram também realizados no âmbito do PNL:

*Barómetro de opinião pública” permitiu conhecer opiniões e atitudes dos portugueses relativamente ao PNL e à leitura em geral, refere um crescimento da leitura nos últimos anos em Portugal, mais acentuado na leitura associada às novas tecnologias.

* “A Leitura em Portugal”, coordenado por Maria de Lurdes Lima dos Santos, aponta para um para um crescimento de leitores na ordem de 9%: os leitores de livros terão crescido 7%, os leitores de jornais 20% e os de revistas 6%. Dos leitores de livros, 64% são do sexo feminino e 49% são do sexo masculino; maioritariamente são jovens, com níveis de escolaridade média/superior. Os leitores dos jornais e das revistas têm perfis diferentes: os jornais são, principalmente, lidos por indivíduos do sexo masculino e de uma faixa etária mais envelhecida, com níveis de escolarização básicos e secundários; os leitores de revistas são, maioritariamente, jovens do sexo feminino com níveis de escolaridade relativamente baixos.

* “Para a Avaliação do Desempenho de Leitura”, coordenado por Inês Sim-Sim; neste trabalho são expostos procedimentos a adoptar para o estabelecimento de referências nacionais de aprendizagem da leitura ao longo dos 1.º e 2.º ciclos do ensino básico e identificados e avaliados os instrumentos existentes em Portugal para a aferição do desempenho na área da leitura. Perseguindo estes objectivos, foi apresentado no passado dia 20 de Junho, na Fundação Calouste Gulbenkian, o projecto aLer+, uma iniciativa do Plano Nacional de Leitura, da Rede de Biblioteca Escolares e da Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas, com o apoio da Direcção-Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular (DGIDC) e da Fundação Calouste Gulbenkian. Esta iniciativa aLeR+ foi concebida com base no projecto Reading Connnects, do National Reading Trust, do Reino Unido e pretende criar uma cultura de escola em que o prazer de ler e a leitura são elementos centrais e transversais a todas as actividades curriculares e extracurriculares, envolvendo todos os elementos da comunidade educativa: alunos, docentes, não docentes, bibliotecários, famílias, voluntários, autarcas e todos os cidadãos e organizações da sociedade civil. Este projecto integra uma rede de escolas em todo o Reino Unido e tem tido um impacto significativo na elevação dos níveis de literacia e na consolidação dos hábitos de leitura da população escolar. De acordo com as orientações apresentadas, será lançado em 33 escolas no ano lectivo 2008/2009 e, posteriormente, alargado.

 





TOP + da leitura

29 06 2008

Ao longo do ano lectivo, muitos foram os alunos que visitaram a BE/CRE e encontraram nos livros a companhia para algumas horas do seu tempo; muitos foram aqueles a quem LER  fez sonhar, fez sentir, levou, por certo, à descoberta…

A todos eles aqui deixamos os parabéns.

Porém,  a Inês Allen do 5.º A foi a leitora mais assídua; ao longo do ano lectivo leu dezassete livros. É a Inês que colocamos no trono da leitura, gentilmente criado pela Dr.ª Marta Leite da Associação de Pais e Encarregados de Educação. Parabéns Inês.

Outros alunos merecem também um louvor especial por terem ocupado o seu tempo a :

2.º lugar – Cátia Martins (7.º A), 15 livros;

3.º lugar ex-aequo – Beatriz Coelho (5.º B), 12 livros; Catarina Fernandes (7.º A), 12 livros;

4.º lugar – Ana Rita Viegas (5.º M) , 11 livros;

5.º lugar – João Luís Encarnação, (5.º I), 10 livros;

6.º lugar – n.º 16 (5.º H), 9 livros.

Destacamos, também, os livros que mais encantaram os nossos leitores e mais companhia lhes fizeram:

1.º O CAVALEIRO DA DINAMARCA ,  Sophia de Mello Breyner Andresen, Ed. Figueirinhas

 

2.º A MENINA DO MAR ,  Sophia de Mello Breyner Andresen,  Figueirinhas


3.º POEMAS DA MENTIRA E DA VERDADE , Luísa Ducla Soares, Ed. Horizonte

 

4.º LEANDRO REI DA HELÍRIA, Alice Vieira, Ed. Caminho e A  FADA ORIANA , Sophia de Mello Breyner Andresen , Figueirinhas

 

5.º OS DOZE DE INGLATERRA , António Torrado, Edi. Caminho

 

6.º UMA AVENTURA NAS ILHAS DE CABO VERDE , Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, Ed. Caminho e  A LUA DE JOANA, Teresa Maria Gonzalez, Editorial Verbo

 

7.º UMA AVENTURA NA QUINTA DAS LÁGRIMAS , Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, Ed. Caminho; O RAPAZ DE BRONZE, Sophia de Mello Breyner Andresen, Figueirinhas e ARTUR E OS MINIMEUS , Luc Besson, Ed. Asa

 

8.º ULISSES , Maria Alberta Menéres, Ed. Asa e A FLORESTA , Sophia de Mello Breyner Andresen, Figueirinhas

 

9.º UMA AVENTURA NAS FÉRIAS DA PÁSCOA , Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, Ed. Caminho; UMA AVENTURA MUSICAL , Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, Ed. Caminho e A ESTRELA DE DOZE PONTAS , João Aguiar, Ed. Asa.

 

 





CONCURSO “Cuba, quero conhecer-te melhor”

25 06 2008

No Ano de Todas as Comemorações, a Embaixada de Cuba em Portugal promove o concurso intitulado
“Cuba, quero conhecer-te melhor” para comemorar o 50.º aniversário da Revolução Cubana. Tem como objectivo a promoção do conhecimento da luta pela dignidade e liberdade que este Povo trava desde as lutas pela independência no século XIX até aos nossos dias.
Propõem a abordagem criativa através da Arte ou da Investigação dos grandes momentos da História de Cuba:
1.º de Janeiro de 1959 (Triunfo da Revolução Cubana);
Os 5 heróis (jovens lutadores anti-terroristas,prisioneiros nos USA);
José Marti (herói, ideólogo e poeta cubano);
10 de Outubro de 1868 (início da 1.ª Guerra da Independência);
Ernesto Che Guevara (Guerrilheiro Heróico).

Contempla três categorias: dos 5 aos 9 anos de idade, dos 10 aos 13 e dos 14 aos 18. Podes concorrer com um poema, um conto, uma banda desenhada, um trabalho escrito de investigação, uma obra de expressão plástica …  São aceites trabalhos em português e em castelhano.
As obras de expressão plástica podem apresentar  técnicas diversificadas, mas não devem ultrapassar o tamanho A3.
Os textos deverão apresentar-se em formato A4, tipo de letra Times New Roman, 12, espaço 1,5 espaço e entregues em envelope com três cópias. O trabalho de Investigação histórica  deverá ter entre 8 a 10 páginas A4.
Os trabalhos realizados devem ser enviados para a Embaixada de Cuba em Lisboa até 30 de Novembro de 2008.
Os resultados serão conhecidos a 8 de Janeiro de 2009. Consulta o regulamento do concurso.

 Deixa-te levar pela imaginação! PARTICIPA! 

 





LIVRÃO

25 06 2008

Este é o nome de uma campanha que teve início a 20 de Junho, dinamizada pela EntrAjuda – instituição particular de solidariedade social -, do Clube dos Livros e das Livrarias Bertrand. O objectivo da campanha é a recuperação de livros escolares usados para a sua reutilização ou correcta destruição, numa perspectiva de boas práticas de responsabilidade social e ambiental.

Podes depositar os livros escolares usados nos LIVRÕES, mais de 1000 distribuídos por todo o País, que foram colocados nas livrarias Bertrand, nas agências da Caixa Geral de Depósitos, nas lojas Pingo Doce e Feira Nova aderentes, nas lojas do instituto Português da Juventude e nas escolas aderentes a este projecto.

A campanha prevê ainda que os livros escolares reutilizáveis, ou seja, que estejam ainda em vigor e em bom estado, possam ser disponibilizados para venda on-line no site www.clubedoslivros.com ou através da Linha de Apoio 214 691 892, com 50% de desconto sobre o preço de mercado. O dador receberá, por transferência bancária um valor equivalente a 20 % do preço do livro, desde que verificados os requisitos inscritos no folheto que se encontra aposto no ‘Livrão’.

Dá uma nova vida aos teus livros escolares usados. Deposita-os no Livrão!

Para informações mais detalhadas clica no link do Clube dos livros ou EntrAjuda.

Obrigado!





ROTA DAS FEIRAS – 28 de Junho a 27 de Julho 2008

25 06 2008

No nosso concelho, aqui bem perto de ti, em SINTRA, vais poder visitar a Rota das Feiras e aprenderes mais enquanto te divertes.

Aproveita e vai com a tua família até Sintra!

28 e 29 de Junho – Feira Romana, Largo do Museu Arqueológico de S.Miguel de Odrinhas

4 a 6 de Julho – Feira Medieval, S.Pedro, Sintra

12 e 13 de Julho – Torneios Medievais a cavalo, Largo do Palácio Nacional de Sintra.

25 e 27 de Julho – Feira Setecentista, em Queluz.





Sabias que…

23 06 2008


23 de Junho

Sabias que a 23 de Junho de 1828, D. Miguel (irmão do Patrono da nossa escola) autoproclama-se Rei de Portugal, anulando a Constituição que havia sido emitida por D. Pedro IV (o nosso patrono)? Como resultado, desencandeiam-se as Guerras Liberais entre os partidários de D. Miguel (de tendência absolutista) e os constitucionalistas que apoiavam D. Maria II e seu pai D. Pedro IV.





EXPOZARAGOZA 2008/Água e desenvolvimento sustentável

13 06 2008

Começa dia 14 de Junho a EXPOZARAGOZA 2008, subordinada ao tema “Água e desenvolvimento sustentável”.
A poucos quilómetros de Zaragoça, ao longo do rio Ebro, foram edificados 140 pavilhões onde o tema água é a preocupação dominante, aliás o Rio Ebro é mesmo a rua principal desta exposição! Haverá exposições permanentes e mais de 5000 espectáculos poderão ser apreciados até ao dia 14 de Setembro.
A Tribuna da Água será um dos locais a não perder, pois será um espaço de encontro de ideias e soluções quanto ao problema da água e sua sustentabilidade.


O pavilhão de Portugal na ExpoZaragoza tem como tema ‘Os três Rios e as Três Bacias Hidrográficas Portuguesas mais Importantes – Douro, Tejo e Guadiana’.

O dia 11 de Julho será dia de Portugal na EXPOZARAGOZA e as actividades calendarizadas prometem!


Com Fluvi, a mascote da exposição, os mais pequenos poderão aprender mais sobre a água e, se forem a Zaragoça este Verão, poderão “Viver a maior festa da água na Terra!”